21 março 2017

Natalina Marques ― desafio escritiva nº 18

― Mãe, anda brincar comigo.
― Está bem, querido, e ao que vamos brincar?
― Trrim trrim trrim. Atende o telefone mãe.

― Assim está bem, desculpa.
― Ti-nó-ni ti-nó-ni. Sniff sniff sniff 
― Estás a chorar, meu amor?
― Tic-tac tic-tac, grr grr grr 
― Estás a assustar-me, querido.
― Miau miau miau.
― Já não percebo nada.
― Pois não, não percebes nada de brincar. Não vês que eu estava a pedir uma ambulância, para levar o Faísca ao veterinário;
― Porquê?
― Porque o Faísca foi atropelado.
Natalina Marques, 57 anos, Palmela

Desafio Escritiva nº 18 ― onomatopeias na história

Sem comentários:

Enviar um comentário