06 abril 2017

Mireille Amaral ― desafio nº 76

Subi duzentas escadas e cheguei lá em cima! Alcancei a vila, aquela cidadela mística ― Puebla de Sanabria. 
Lá, meu País está evidente. É legenda de gravuras e de imagens medievais. 

Deambulei pelas ruas estreitas, a apaziguar a alma, a beber umas cervejas.
A lua iluminava as trevas num céu de sublime limpidez. 

Vim em fuga, era uma fuga planeada, mas necessária. Deveras necessária para recuperar a alegria desmaiada.
Ai que esta vida é, de tal maneira, efémera! 
Mireille Amaral, 41 anos, Gondomar

Desafio nº 76 – escrever sem a letra O

2 comentários: